• O que você esta procurando?

    » Animais não transmitem o vírus, não abandonem seus pets', pede especialista



    Redação Anuncifácil

     

    A Nutrire alerta para a situação de abandono que já é vista em todos os estados brasileiros por conta do Coronavírus. A pandemia tem causado pânico geral e os animais têm sofrido as consequências da falta de informação. A preocupação é da Dra. Luana Sartori, veterinária responsável pela Monello Select.

    “Muitas são as dúvidas sobre o novo vírus e de que forma ele pode afetar nossos animais de estimação. O primeiro passo é entender que trata-se de um vírus ainda pouco conhecido, mas que até o momento não afetou animais de estimação”, conforme disse a WSAVA – World Small Animal Veterinary Association (Global Veterinary Community)”.

    “A história não é bem assim, pois essa informação sobre o pet que teve resultado positivo para o coronavírus humano gerou falsas notícias sobre o assunto. O mais provável é que o vírus tenha sido encontrado na saliva do cachorro por conta da proximidade dele com sua tutora - infectada pela doença”, explica.

    Ou seja, não há motivos para desespero, visto que, até o momento, não há evidência significativa de que animais de estimação possam ficar doentes ou transmitir esse vírus especificamente.

    O Coronavírus que afeta cães não tem relação com o vírus humano e existe faz bastante tempo. Além disso, animais não passam para seus tutores a doença, que pode ser evitada através da vacinação anual. Já a infecção por coronavírus em gatos é causada pelo coronavírus felino (FCoV), que pode desenvolver a Peritonite Infecciosa Felina (PIF). “Por favor, entendam que esses dois tipos de Coronavírus não possuem relação com o COVID-19”, alerta Luana.

     “O cuidado que você precisa ter no momento é com a sua saúde”, diz Luana. Por isso, a orientação é de que a população se mantenha em casa o máximo de tempo possível, ou seja, se sair para passear com seu pet, escolha locais sem aglomerações de pessoas. Ainda que não haja evidências de transmissão, permanecer com pet seguro em casa é o melhor a ser feito. “No mais, mantenha as consultas com o veterinário em dia e, claro, as vacinas do seu melhor amigo também”, conclui.

    Essa também é uma dúvida comum entre os tutores, mas o especialista em Marketing da Nutrire, Leonardo Oliveira, explica que o fornecimento de ração não vai ser interrompido até segunda ordem, e que todas as medidas para segurança de colaboradores estão sendo tomadas. “O mercado pet brasileiro é o segundo maior do mundo, sendo o número de pets maior do que de crianças. Ou seja, os cães e gatos são membros da família e não podem ficar desassistidos neste momento difícil”, diz.

    Oliveira explica que a Nutrire já solicitou às autoridades a consciência de que os animais de estimação necessitam ter acesso aos itens essenciais de sobrevivência como alimento, medicação, suplementos especiais, tapetes higiênicos, entre outros. “Os estabelecimentos comerciais necessitam permanecer abertos para que os tutores dos pets tenham condições de continuar oferecendo qualidade de vida e bem-estar, minimizando possíveis situações de sofrimento e, claro, a triste realidade do abandono”, esclarece.

    A Nutrire está seguindo‌ ‌rigorosamente‌ ‌as‌ ‌orientações‌ ‌da‌ ‌Secretaria‌ ‌de‌ ‌Vigilância‌ ‌Sanitária‌ ‌e‌ ‌Ministério‌ ‌da‌ ‌Saúde‌ ‌para‌ ‌fazer‌ ‌a‌ ‌nossa‌ ‌parte‌ ‌na‌ ‌prevenção‌ ‌e‌ ‌no‌ ‌combate‌ ‌ao‌ ‌‌Coronavírus.‌ ‌“Fiquem tranquilos, pois estamos assegurando ao máximo que nossos colaboradores estejam protegidos. Uma equipe está em constante movimento para garantir as melhores condições para prevenção e segurança de cada um”, conclui Oliveira. (Bem Paraná)


    Compartilhe esta matéria!


      





    » Curta a página do site Anuncifácil no Facebook




     



    »Publicidades

    Copyright © 2009 Anunci Fácil - Direitos Reservados - Cornélio Procópio - Paraná Site Desenvolvido por: AbusarWEB